No dia 27 de julho, sexta-feira, às 11h, sairemos da Casa de Estudos Urbanos para conhecer e perceber as ruas da Glória a partir do mercado de rua conhecido como shopping chão, ressignificando o olhar calmo e atento que pedem as fotos analógicas.

O passeio deriva do encontro do descubra.art entre o coletivo de mídia f.ugaz e a organização do Cine Mureta, que os convidou para expor suas polaroides no já conhecido telão da mureta dia 10 de agosto, cuja exibição trata da questão das remoções de pessoas que costumam anteceder projetos de reestruturação urbana.

A mostra fará parte do percurso FotoRio Resiste, 11ª Edição do Festival que chegou a ser cancelado por falta de financiamento e apoio público e foi reerguida colaborativamente, com a temática “Fotografia e Cidadania”, ultrapassando a meta do financiamento coletivo (conhecido crowdfunding) arrecadando R$ 45.630,00 mostrando o potencial de co-criar roteiros artísticos pela cidade.

Apesar de tudo, a arte resiste.

A Casa de Estudos Urbanos é um lugar que se propõe a pesquisar, debater e (re)pensar a cidade e as formas de trabalho. Gerida por um coletivo de arquitetas, artistas, produtoras, pesquisadoras e ativistas divididas em três frentes principais: Academia, Trabalho e Militância, além de abrigar encontros de diversos coletivos, escritórios compartilhados e espaços para reuniões, eventos e ensaios. Saiba mais aqui.

Antes do passeio, acontece o Creative Mornings, evento mensal colaborativo e itinerante  que traz uma intervenção artística com curadoria nossa contando com as artistas Paula Beliene e Lara Azevedo e uma palestra de Irina Aragão a respeito de Intenção, ambíguo tema escolhido para a série de eventos globais, com café da manhã fornecido pela querida Junta Local.

O evento é gratuito > Inscreva-se

foto de capa: @teabianchi (musa fugaz que conduz nosso roteiro analógico pela Glória)